Quem tem emprego com carteira assinada perde o Bolsa Família?

Quem tem emprego com carteira assinada, pode perder o Bolsa Família? Esta é uma dúvida frequente entre os que recebem o benefício. Para esclarecer esta dúvida e para auxiliar as famílias que tem dúvidas rem relação a esta questão, vamos abordar o tema logo abaixo.

São muitos os beneficiários que possuem alguma atividade como autônomo, ou até mesmo um emprego com carteira assinada. Muitas dessas pessoas, acabam ficando com medo de perder o Bolsa Família, ou até mesmo não procuram emprego para não correr o risco do benefício ser cancelado pelo Governo.

Conforme as regras do programa de auxílio de renda, é possível trabalhar com carteira assinada ou como autônomo e continuar recebendo o Bolsa Família. Mas é preciso que se respeite as regras do Bolsa Família, quem tem detalhes específicos sobre esse caso.

De acordo com as normas do programa, é possível continuar recebendo o Bolsa Família mesmo com emprego de carteira assinada, desde desde que o valor recebido de salário no emprego somado a renda familiar, não ultrapasse a meio salário mínimo per capita. Neste caso, o beneficiário poderá continuar recebendo o benefício por dois anos. Caso ultrapasse o meio salário mínimo per capita, o família não tem direito ao benefício.

carteira-assinada-bolsa-familia

Mudanças nas regras do Bolsa Família

As regras do programa em relação a este ponto, podem ser alteradas nos próximos meses. Segundo informações do ministro do Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra, é possível que haja uma alteração na regra, para que se incentive as pessoas a procurarem emprego e assinar a carteira de trabalho.

Segundo o ministro, já existe um estudo que pode aumentar o teto per capita para que o cidadão possa garantir seu emprego, e não correr o risco de perder o Bolsa Família. O Governo trabalha com a possibilidade de aumentar o número de beneficiários do programa que trabalham de carteira assinada.

Portanto, ter a carteira de trabalho assinada ou qualquer outra fonte de renda (como aposentadoria) não impede a família de receber o benefício.

Renda máxima para ter direito ao benefício

As regras atuais do Bolsa Família, garante o benefício para famílias em situação de pobreza ou extrema pobreza. Para ter direito ao benefício, é preciso que o responsável pela família mantenha os dados atualizados de cadastro no CRAS do município, para que seja feita de forma correta a análise de renda da família.

As famílias extremamente pobres são aquelas que têm renda mensal de até R$ 85,00 por pessoa. As famílias pobres são aquelas que têm renda mensal entre R$ 85,01 e R$ 170,00 por pessoa. As famílias pobres participam do programa, desde que tenham em sua composição gestantes e crianças ou adolescentes entre 0 e 17 anos.

Saiba como descobri o número do Bolsa Família

Quem tem emprego com carteira assinada perde o Bolsa Família?
3.57 (71.43%) 7 votes

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *